• lgmota

País perde para Aedes

NA GUERRA E PERDENDO O ministro da Saúde, Marcelo Castro, afirmou que o país perde feio a batalha contra do Aedes aegypti. A declaração foi considerada desastrada e infeliz pelo Planalto. No mesmo dia, Castro anunciou uma força tarefa com 220 mil homens das Forças Armadas e distribuição de repelente para as grávidas do Bolsa Família. O ministro também afirmou que o país vive uma das maiores crises de saúde pública da sua história.

COMBINAÇÃO DESASTROSA As ações da Operação Lava Jato e a crise do petróleo provocaram demissões, fechamento de postos de trabalhos e queda de investimentos em várias cidadades do país. O fim de grandes obras, como as hidrelétricas também contribuiram para levar municípios do interior para o topo da lista de desemprego no Brasil. Maragogipe (BA), Altamira (PA), Itabira (MG), Itaboraí (PJ) estão na lista das mais impactadas. HÁ ESPERANÇAS O setor agrícola tem despertado interesse nos bancos privados e investidores do mercado de capitais. O agronegócio é um dos poucos setores em crescimento no país. De janeiro a setembro de 2015, o setor cresceu 2,1% frente a uma queda do PIB de 3,2% no mesmo período. A agricultura também foi o único segmento com saldo positivo de vagas de trabalho em 2015.

POST SCRIPTUM Um aplicativo de celular pretende dar mais proteção à mulheres vítimas de maus tratos. Com apenas quatro toques, o aparelho avisa à polícia, à Justiça e a uma rede de amigos que a pessoa precisa de ajuda. O aplicativo vai ser testado em Porto Alegre (RS).

#mulher #BolsaFamília #repelente #zika #ForçasArmadas #bancosprivados #desemprego #agricultura #PaláciodoPlanalto #investimento #PortoAlegre #aplicativo #aedesaegypti #PIB #dengue #agronegócio #OperaçãoLavaJato #grávidas

1 visualização
  • Facebook
  • Twitter

© 2010 by AntBuzz