• lgmota

Impeachment: Temer e Dilma em articulações políticas


NA BRIGA

Dilma Rousseff perdeu mais um apoio da Câmara dos Deputados. O Líder da bancada do PMDB, Leonardo Picciani, considerado ‘dilmista ‘, foi destituido pelo partido. Em seu lugar, a legenda colocou Leonardo Quintão. A manobra teve o apoio do vice-presidente, Michel Temer. Dilma negocia com o PR a transferência de correligionários para o PMDB para que a destituição de Picciani seja revertida. Se as negociações do Planalto derem certo, a bancada do PMDB na Câmara que apoia o governo pode aumentar de 9 para 16 deputados e permitir que Picciani volte à liderança. Depois da movimentação, Michel Temer anunciou que a convenção do partido será antecipada caso Dilma continue se intrometendo em assuntos políticos. (Valor, Globo)

 A OPOSIÇÃO

A cúpula do PSDB anunciou sua posição pró-impeachment. O encontro reuniu o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, presidente do partido, Aécio Neves, os seis governadores tucanos e suas lideranças no Congresso. Hoje, o  partido pretende entrar com ação contra a presidente. A alegação é de que ela está usando eventos públicos para se defender (Estadão)

OUTRO ASSUNTO

Em entrevista à Folha, o deputado Fausto Pinato, ex-relator do caso Cunha, diz que recebeu ofertas de propina ligadas ao seu parecer no Conselho de Ética. O deputado diz disconhecer os autores das propostas. Pinato era a favor da continuidade do processo de cassação do presidente da Câmara, Eduardo Cunha. Ontem, opositores de Cunha no Conselho de Ética propuseram seu afastamento da presidência da Casa. (Folha)

#PMDB #propina #FHC #AécioNeves #impeachment #CâmaradosDeputados #EduardoCunha #MichelTemer #PSDB #DilmaRousseff #ComissãodeÉtica

0 visualização
  • Facebook
  • Twitter

© 2010 by AntBuzz