• Facebook
  • Twitter

© 2010 by AntBuzz

  • lgmota

É hoje: Dilma se defende do impeachment

É HOJE

Dilma Rousseff faz sua defesa no processo do impeachment, hoje, no Senado. Assessores afirmam que o discurso de 20 minutos, que precede o interrogatório, será emocional. A presidente afastada deve relembrar sua história durante a ditadura e deve citar o processo como ‘golpe’.

COSTURANDO

O discurso foi acertado com o ex-presidente Lula e líderes de movimentos sociais, ontem, em jantar no Alvorada. Entre os pontos acertados, está a defesa de novas eleições presidenciais.

OPA OPA

Em reunião, senadores governistas consideraram uma afronta a possibilidade de Dilma tratar o processo de afastamento como golpe na Casa, durante seu discurso. O senador Cássio Cunha Lima disse não ser possível admitir um golpe presidido pelo presidente do Supremo Tribunal Federal.

FALANDO EM LULA

A Receita Federal suspendeu a isenção fiscal do Instituto Lula. A suspensão vale entre 2011 e 2014 devido a ‘desvios de finalidade’ identificado pela Receita. O Instituto deverá pagar os impostos retroativos e multa por sonegação fiscal. Os valores que serão cobrados da entidade podem atingir R$ 12 mi.

SEM DINHEIRO

O governo decidiu que as próximas concessões não terão financiamentos subsidiados. O secretário-executivo do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI), Moreira Franco, disse que o governo não tem mais dinheiro para subsídios.

POST SCRIPTUM

Apesar das mulheres não estarem presentes nas áreas de gestão do setor financeiro, a VP do Itaú, Claudia Politanski, não vê razão para que não haja, aí,  executivas em todos os níveis. O dilema sempre passa pela escolha entre família e carreira.

#discurso #imposto #receitafederal #concessões #multas #golpe #impeachment #SenadoFederal #setorfinanceiro #Lula #mulheres #InstitutoLula #STF #DilmaRousseff

0 visualização